Amor a primeira vista realmente existe?

Amor-a-primeira-vista-realmente-existe

Carregando...

O ‘amor a primeira vista’ realmente existe? Veja o que a ciência tem a dizer sobre este suposto amor que nasce de uma hora para outra.

Uma equipe de cientistas britânicos rejeitou o amor à primeira vista e disse, no entanto, que leva em média 12 meses para se alcançar ‘o verdadeiro amor’.

Especialistas da Universidade de Bath, no sul da Inglaterra, concluíram em um estudo que o verdadeiro amor precisa de 12 meses entre os casais.

Os cientistas estudaram relacionamentos amorosos estabelecidos através da página de contatos “Match.com” por um período de seis meses.

De acordo com o relatório, o verdadeiro e profundo amor só ocorreu em casais que mantiveram uma relação durante 12 meses, em média.

Para especialistas, o verdadeiro amor é um equilíbrio de três componentes; paixão, intimidade e compromisso.

Amor-a-primeira-vista-realmente-existe-1

Dos 147 casais estudados, 61 por cento disseram que desfrutavam de altos níveis de intimidade, paixão e compromisso.

Da maioria destes 61 por cento, o período médio de relacionamento foi de 12 meses, de acordo com a agência Ansa.

O estudo também descobriu que os homens são mais propensos a encontrar o amor verdadeiro do que as mulheres.

Do total de entrevistados, 67 dos homens e 57 por cento das mulheres disseram experimentar o amor verdadeiro.

Enquanto isso, 16 por cento dos entrevistados disseram que desfrutam do “amor companheiro” com altos níveis de intimidade e comprometimento, mas sem muita paixão.

Entre os casais que acabaram de se conhecer, a maioria disse não desfruta de um amor verdadeiro e esclareceu que os seus níveis de paixão, compromisso e intimidade eram baixos.

Recomendados para você:

Comentar