Revelam estranhas imagens secretas de Vênus feitas há 30 anos

Revelam-estranhas-imagens-secretas-de-Venus-feitas-pelas-sondas-sovieticas-ha-30-anos-vida

Carregando...

Imagens de Vênus feitas há 30 anos por sondas soviéticas e secretas até então foram divulgadas recentemente e mostram supostos ‘seres desconhecidos’ no planeta.

O Instituto de Pesquisas Espaciais da Academia Russa de Ciências tornou públicas 30 anos depois de terem sido feitas pelas sondas soviéticas Venera uma série de imagens originais de supostos seres vivos no planeta Vênus.

Revelam-estranhas-imagens-secretas-de-Venus-feitas-pelas-sondas-sovieticas-ha-30-anos-vida-1

O doutor em ciências físicas e matemáticas do Instituto de Pesquisas Espaciais Leonid Ksanfomaliti explicou que as fotografias tiradas há 30 anos por veículos espaciais russos revelam a existência de objetos estranhos que se movem e têm características aparentes de seres vivos, informaram alguns meios da mídia russa.

Os objetos foram acidentalmente capturados pelas câmeras instaladas nas sondas soviéticas Venera que estudaram Venus em 1975 e 1982, lembrou o cientista.

Revelam-estranhas-imagens-secretas-de-Venus-feitas-pelas-sondas-sovieticas-ha-30-anos-vida-3

Como prova de sua hipótese, Ksanfomaliti publicou as fotos tiradas pela sonda Venera-13, recebidas em março de 1982. O pesquisador encontrou vários objetos que aparecem e desaparecem em uma série consecutiva de imagens em que se assemelham a um ” disco, um pano preto e um escorpião”.

Revelam-estranhas-imagens-secretas-de-Venus-feitas-pelas-sondas-sovieticas-ha-30-anos-vida-2

Alguns destes objetos estão presentes nas primeiras imagens, mas, em seguida desaparecem. Segundo o cientista, isso é devido ao barulho produzido pelo pouso das sondas espaciais. Outros objetos, como o alegado “escorpião”, provavelmente ficaram enterrados sob o solo até o desembarque da neve, e levaram um tempo para emergir a superfície.

Revelam-estranhas-imagens-secretas-de-Venus-feitas-pelas-sondas-sovieticas-ha-30-anos-vida-4

Ksanfomaliti explicou que tinha a intenção de tornar pública a sua descoberta muito mais cedo, mas decidiu adiá-la por falta de apoio.

O pesquisador afirma ter tomado a decisão de voltar a estudar a possível existência de vida em Vênus por causa do grande número de novos resultados na investigação de exoplanetas, alguns com condições físicas semelhantes às de Vênus.

Advertisment

Recomendados para você:

Comentar